CEO da Quiksilver desaparece no mar em Hossegor, sudoeste da França

Pierre Agnes a bordo do iate Mascarett III. Foto Reprodução Instagram Kelly Slater.

O presidente do grupo Boardriders Inc, proprietário das marcas Quiksilver, Roxy e DC Shoes, Pierre Agnes, 54 anos, está desaparecido depois que seu barco, o Mascarett III, deixou Capbreton às 7h30min desta terça-feira, 30 de janeiro. Duas horas depois, o barco foi encontrado sem ninguém, inundado ao norte de La Graviere, encalhado na praia de Boiteux, região conhecida pelo pico de Hossegor, na costa sudoeste da França. O empresário costumava pescar a bordto do iate de 36 pés.

Equipes de busca e salvamento estão na área, mas alguns dos principais nomes do surfe mundial publicaram em suas redes sociais mensagens de esperança. “Esperamos por um milagre. Relatos muito perturbadores da França nesta manhã. Pensamentos e orações estão com a família de Pierre, bem como as equipes de busca e resgate”, declarou Sophie Goldschimidt, CEO da World Surf League.

O 11 vezes campeão do mundo Kelly Slater, que durante ano foi patrocinado pela Quiksilver, também se manifestou. “Eu amo este homem. @pierre_agnes desapareceu em Hossegor hoje, quando seu barco bateu em terra no frio, névoa matinal. Estou orando por um milagre, mas está apenas começando a perceber o efeito profundo que este homem teve na minha vida e na comunidade de surfe em geral. Ele amava suas viagens de pesca da manhã, família, @quiksilver, surf, amigos, motos, Capbreton … “, escreveu o americano, sem ainda acreditar.

O executivo começou a carreira há quase 30 anos na Quiksilver e comandou a área de design das marcas a partir da sede europeia em Saint-Jean-de-Luz. No início de janeiro, a empresa norte-americana das marcas Quiksilver e Roxy anunciou que se preparava para comprar a rival australiana Billabong. Juntas, estas duas empresas consolidadas no mundo do surf, esqui e skate totalizam 630 lojas em 28 países, 7000 empresas clientes em 110 países e sites online em 35 países. A Boardriders está sob o controle do fundo de investimento Oaktree, que já detém 19% da Billabong.

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!