Jorge Zarif é o destaque do Brasil no terceiro dia da etapa de Miami

Classe Finn: Jorge Zarif fez dois segundos lugares na quinta. Foto Jesus Renedo/Sailing Energy

Jorge Zarif, da classe Finn, foi o principal destaque entre os brasileiros no terceiro dia de regatas da Copa do Mundo de Vela, etapa de Miami, nesta quinta-feira, quando o ventro soprou forte e exigiu bastante dos melhores velejadores do mundo. Com dois segundos lugares, o brasileiro subiu duas posições e agora ocupa a sexta colocação na classificação geral. A dupla do 49er formada por Marco Grael e Carlos Robles também teve um bom dia e passou a figurar entre os 10 primeiros colocados que garantem vaga na Medal Race. Assim o Brasil manteve representantes como top 10 em duas classes.

Na classe Finn, a liderança é do lendário Giles Scott, com 12 pontos perdidos, seguido de perto pelo turco Alikan Kainar (13) e do americano Caleb Payne, com 26 pontos. Zarif vem em sexto lugar, com 30 pontos perdidos. Faltam quatro regatas para a definição dos 10 velejadores que disputam a Medal Race. Na classe 49er, a liderança é dos britânicos Dylans Fletcher e Stuart Bithell, seguido de duas duplas da Espanha. Mesmo punidos na terceira regata do dia, os brasileiros conseguiram se manter na 10 colocação conquistada após a sexta colocação na primeira prova do dia.

Na Nacra 17, Samuel Albrecht e Bruna Martinelli não tiveram um bom dia e saíram da zona de classificação, ocupando agora a 13ª colocação. A dupla ganhou a companhia de outra dupla brasileira, João Bulhões e Gabriela Nicolino de Sá, que ocupam a 14ª colocação. As duas duplas ainda podem brigar por vaga na Medal Race nas três regatas que faltam para terminar a fase classificatória. A liderança folgada é da dupla australiana formada por Jason Waterhouse e Lisa Darmanin, prata no Rio.

Na Laser, Bruno Fontes está fazendo uma etapa para esquecer. O brasileiro é o 46º na classificação, liderada pelo australiano Tom Burton (25 pp). O alemão Phillip Buhl (35pp) e o britânico Nick Thompson (38pp) brigam pelo segundo lugar. Na 470 masculino, Geison Mendes e Gustavo Thiesen ocupam a 16ª colocação e são a melhor dupla brasileira na classe. Henrique Haddad e Felipe Brito estão em 25º, enquanto Ricardo Paranhos e Andrei Kneipp estão em 32º, e Pedro Correa e Rodolfo Streibel, em 34º. Já na 470 feminino, Fernanda Oliveira e Ana Barbachan estão na 12ª colocação com o 23º e o 5º lugares obtidos nesta quinta-feira

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!