Abertura do Rip Curl Grom Search 2018 terá surfistas de 10 estados

Rip Curl Grom Search 2018 começa na Prainha, em São Chico. Foto Divulgação.

A nova geração do surfe brasileiro estará muito bem representada na abertura do Rip Curl Grom Search 2018, apresentado por Guaraná Antarctica, no sábado e domingo (27 e 28), na Prainha, em São Francisco do Sul (SC). Atletas Sub-16 de nada menos que 10 estados estão confirmados no evento, do Rio Grande do Sul ao Ceará. Fora do mar, o evento também terá várias atrações, tanto para os atletas quanto para o público.

Um dos momentos que prometem ser marcantes será a homenagem ao surfista Jean da Silva, que morreu em novembro do ano passado e tinha uma forte ligação com a Prainha. Ele foi atleta da equipe Rip Curl por 10 anos, de 2001 a 2010, período que garantiu o título brasileiro, o primeiro de um surfista catarinense, entre outras conquistas profissionais na época. “Vamos prestar uma homenagem à família dele, pelo que representou à Rip Curl, ao surfe brasileiro”, comenta o gerente de marketing da Rip Curl, Fernando Gonzalez.

Todos da empresa ficaram profundamente chateados com o acontecido. Só temos boas lembranças dele, como pessoa, como surfista e como competidor”, acrescenta Fernando, ressaltando que a etapa já estava definida para ser realizada em São Francisco do Sul antes do ocorrido. “Já tínhamos escolhido a Prainha, por ser um lugar novo para o Circuito com ondas constantes e por termos recebido o convite da Prefeitura Municipal de São Francisco do Sul para levarmos o evento para lá”, disse.

Distribuição de mudas já é tradição no evento. Foto Divulgação.

Junto a esse momento que promete emocionar, serão realizadas várias atividades, para alegrar e entreter a garotada que estará competindo, bem como o público. Entre as atrações, a distribuição de pipas, trampolim e pula-pula para todos na praia. “Os atletas terão uma área vip com frutas e Guaraná Antarctica gelado. Também teremos a nossa tradicional festa de confraternização para os surfistas e acompanhantes no sábado à noite”, anuncia.

Outra ação importante na areia será voltada ao meio ambiente, com a distribuição de mudas nativas, com o Projeto Rip Curl Planet. “Quem não puder acompanhar o campeonato na praia, terá a opção da transmissão ao vivo pela internet, com imagens em tempo real, pelo site www.ripcurl.com.br”, diz.

A previsão para o final de semana é animadora,com ondas em torno de um metro. Tudo perfeito para um grande evento”, complementa Fernando, também informando que Gabriel Medina, desta vez, não estará presente em Santa Catarina, devido, devido ao início antecipado dos treinos para o Circuito Mundial, em relação ao ano passado.

O Rip Curl Grom Search, apresentado por Guaraná Antarctica, é disputado em quatro categorias, sendo que a mirim e a feminina, com limite de 16 anos, vale vagas aos campeões gerais para a final internacional do evento, realizado em algum lugar do Mundo. Entre os atletas revelados está Gabriel Medina, que em 2010 foi o primeiro brasileiro da nova geração a ser campeão do evento, realizado na Austrália, antes de seguir para a carreira profissional. Também estarão em disputas as categorias iniciante (sub14) e grommet (sub12), ambas no masculino. Fora do mar o evento conta com vários atrativos e diversões aos atletas e ao público.

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!