Caetano Vargas fatura categoria Pro no Circuito ASJ OP Ocean Pacific 2017

Caetano Vargas faturou título na Joaca. Foto Basílio Ruy/Prime Press

Ondas perfeitas marcaram a última etapa do Circuito ASJ OP Ocean Pacific de Surf na praia da Joaquina, em Florianópolis(SC). Além das categorias amadoras promovidas pela Associação de Surf da Joaquina(ASJ), o evento contou com altas ondas no domingo, dia da disputa profissional, vencida por Caetano Vargas. Com os resultados, os surfistas Marco Polo e Uriel Sposaro acabaram faturando as passagens aéreas para México e Peru, destinadas aos campeões do Circuito nas categorias Open e Júnior.

Uriel Sposaro venceu as categorias Júnior e Mirim. Foto Basílio Ruy/Prime Press

Oito categorias amadoras foram concluídas no sábado, com o domingo reservado às disputas do surfe adaptado e master, além da profissional, novidade desta etapa. O primeiro dia de competição mostrou que o final de semana seria intenso, com grandes confrontos na Joaquina. O destaque do sábado foi o jovem argentino radicado em Floripa Uriel Sposaro. Ele marcou a maior nota do dia (9.80) em uma direita muito bem trabalhada, conquistando os títulos Junior e Mirim.

Além de Uriel, Caetano Silveira, nas categorias Iniciantes e Infantil, e Kiany Hyakutake, na Feminino Open e Feminino Infantil, também conquistaram títulos em duas categorias diferentes. Na Petiz, Gabriel Ogasahara e Davi Glazer travaram uma disputa interessante pela vitória até os últimos instantes, com Ogasahara levando a melhor e ficando com a vitória.

Ronaldo Silveira venceu na Local. Foto Basílio Ruy/Prime Press

O último embate do sábado foi na Local, reunindo quatro surfistas experientes do pico. Em mais uma decisão eletrizante, Ronaldo Silveira fez valer sua experiência pra cima de seus oponentes e conquistou a vitória de forma incontestável.

Domingo abençoado na Joaca

As ondas melhoraram no domingo decisivo para as categorias Master, Surfe Adaptado e Profissional, que distribuiu R$ 3 mil de premiação em dinheiro e 300 pontos no ranking estadual, valendo para o Circuito Catarinense de Surf Profissional. Mais uma vez a boa e velha “Joaca” não decepcionou, proporcionando séries de 1 metro com excelente formação e vento terral. Os profissionais foram os primeiros a desfrutarem das ondas perfeitas da praia que representa muito bem a alma da cidade, e que alçou Florianópolis aos holofotes do mundo.

Pódio da categoria Surf Adaptados. Foto Basílio Ruy/Prime Press

A primeira decisão do dia foi na categoria Surfe Adaptado. Recém chegado da Califórnia(EUA), onde integrou a equipe brasileira campeã mundial da categoria, Jonathan Borba mostrou porquê é considerado um dos melhores no Estado, e ficou com o título. Na sequência, a decisão Master teve um confronto espetacular até os minutos finais. Numa disputa em que Jeferson Duarte e Raphael Becker se alternaram na liderança, mesmo lesionado, Becker conseguiu a virada em sua última onda pra encerrar o assunto. “Havia machucado meu joelho no sábado na Guarda do Embaú em outra competição. Cheguei na praia com o pensamento de não competir, mas quando vi aquelas ondas alucinantes pedi pra colocarem meu nome novamente” declarou o campeão.

João Paulo de Abreu levou vice-campeonato para Imbituba. Foto Basílio Ruy/Prime Press

A última decisão ficou para a categoria Profissional. Com a duração de 25 minutos, a final foi dominada por Caetano Vargas e João Paulo de Abreu, que se alternaram na liderança. Explorando bem as direitas que encaixavam em direção ao costão, Caetano começou marcando a melhor nota da bateria em sua primeira onda (8.0 pontos). João Paulo de Abreu não se intimidou, e arriscou nas manobras aéreas para assumir a ponta, após duas ondas bem surfadas em sequencia. Mas Caetano Vargas estava em sincronia com a Joaca, e achou mais uma direita para sacramentar a vitória, deixando João Paulo de Abreu em segundo, Márcio Farney, em terceiro, e Pedro Nogueira, em quarto.

Raphael Becker venceu na Master. Foto Basílio Ruy/Prime Press

A entrega da premiação aos melhores do Circuito ASJ 2017 será no próximo final de semana, no sábado dia 16 de dezembro, na inauguração da nova loja da OP Ocean Pacific Store (atual Reefifi Surf Shop), no centro da Lagoa da Conceição, em Florianópolis(SC).

Pódio da categoria profissional. Foto Basílio Ruy/Prime Press

A terceira e última etapa do Circuito ASJ OP Ocean Pacific de Surf Amador 2017 teve o patrocínio da OP Ocean Pacific, Liquid Trips, Reefifi Surf Shop e Puerto Escondido Quiosque Mexicano. Apoio da Mormaii Joaquina, Rhyno, Tick Deck, Mix Fins, Spoleto, Chilli Beans, Pousada do Lima, Godas, Tikehau Surf Shop, Kxo, JC Jonh Carper, SDA Surfing, Mexicali, Sibon Charters, Desterro Hostel, Rocha Corretora de Seguros, Tropical Brasil Panificadora Lisboa, In Paradise, Curvão, Restaurante Pedra Careca e Boletim de Olho no Mar. Promoção: OP Ocean Pacific. Realização ASJ (Associação de Surf da Joaquina). Supervisão técnica: Fecasurf.

Resultados
Profissional
1º- Caetano Vargas
2º- João Paulo de Abreu
3º- Márcio Farney
4º- Pedro Nogueira

Local
1º- Ronaldo Silveira
2º- João Godoy
3º- Phillipe Glazer
4º- André Laus Veras

Master
1º- Raphael Becker
2º- Jeferson Duarte
3º- Stewson Crippa
4º- Leonardo Fernandez

Junior
1º- Uriel Sposaro
2º- Geovanny Alves
3º- Bautista de Abajo
4º- Marlon Martins

Mirim
1º- Uriel Sposaro
2º- Caetano Silveira
3º- Felipe Malimann
4º- Zurisadai Ferreira

Iniciantes
1º- Caetano Silveira
2º- Zurisadai Ferreira
3º- Mateus Malagoli
4º- Nicolas Malagoli

Infantil
1º- Caetano Silveira
2º- Davi Glazer
3º- Gabriel Ogasahara
4º- Pedro Souza

Petiz
1º- Gabriel Ogasahara
2º- Davi Glazer
3º- Raoni Rocha
4º- Isabela Bonatto

Feminino Open
1ª- Kyany Hyakutake
2ª- Manu Kendra
3ª- Sol Carrion

Feminino Infantil
1ª- Kyany Hyakutake
2ª- Sol Carrion
3ª- Maria Isabel
4ª- Isabela Bonatto

Surf Adaptado
1º- Jonathan Borba
2º- Luciano Nem
3º- Robson Gasperi
4º- Fidel Teixeira

Campeões do ranking ASJ 2017
Open: Marco Polo (Viagem para o México)
Junior: Uriel Sposaro (Viagem para o Peru)
Mirim: Caetano Silveira
Iniciantes: Caetano Silveira
Infantil: Caetano Silveira
Master: Raphael Becker
Local: Stewson Crippa
Petiz: Gabriel Ogasahara
Feminino Infantil: Sofia Rocha de Faria
Surf Adaptado: Jonathan Borba

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!