Big riders estão escalados para temporada do Hemisfério Norte 2017/2018

Billy Kemper em Jaws no Peahi’s Challenge, em 2016. Foto WSL/Heff.

A temporada do Hemisfério Norte do Big Wave Tour (BWT) abriu oficialmente neste domingo e vai até o dia 28 de fevereiro de 2018. Os big riders agora se preparam para enfrentar três das ondas mais desafiadoras no planeta: Nazaré, em Portugal; Pe’ahi (ou Jaws), no Havaí; e Mavericks, na Califórnia (EUA). Os brasileiros Pedro Calado, vice-campeão do BWT 2016/2017, e Lucas Chumbinho Chianca, estão escalados.

A janela para realização dos eventos em Jaws e Nazaré já está aberta, mas a data de início da janela de competição para o evento em Mavericks, juntamente com a tradicional cerimônia de abertura, será definida pela organização em conjunto com as agências governamentais envolvidas na produção do evento. A aquisição da licença pela WSL para realizar o evento foi finalizada na semana passada e os preparativos para o primeiro Mavericks Challenge estão avançando o mais rápido possível.

Estamos ansiosos para prosseguir com o Big Wave Tour na temporada de inverno“, disse o comissário da WSL para o BWT, Mike Parson . “As janelas para Nazaré e Pe’ahi abriram hoje e estamos trabalhando para finalizar detalhes para Mavericks. Agradecemos o apoio contínuo da comunidade local e antecipamos uma ótima temporada e condições épicas para os melhores surfistas de onda grande do mundo“.

A temporada do Hemisfério Norte também contará com o Women ‘s Pe’ahi Challenge pelo segundo ano. O evento inaugural do ano passado viu a havaiana Paige Alms conquistar uma vitória histórica. O evento deste ano contará com seis mulheres em uma final única. Elas também terão a oportunidade de competir em Mavericks. As competidoras serão selecionadas por um comitê formado por surfistas experientes em Mavericks. Esse comitê também considerará os resultados do WSL Big Wave Awards de 2016;

O Big Wave Tour começou no início deste ano com o Puerto Escondido Challenge, no México, que teve o havaiano Kai Lenny como campeão. As condições serão monitoradas pela WSL e os atletas saberão da competição com 72 horas de antecedência. As ondulações de inverno precisam produzir ondas de 30 a 60 pés para que os eventos tenham sinal verde para realização.

2017/18 BWT Men’s Nazaré Challenge:
Convidados: Grant Baker, Pedro Calado, Greg Long, Jamie Mitchell, Billy Kemper, Nic Lamb, Will Skudin, João De Macedo, Cristian Merello, Kai Lenny, Makuakai Rothman, Lucas Chianca, Francisco Porcella, Trevor Sven Carlson, Tom Lowe, Garrett McNamara, Alex Botelho, Tom Butler, Andrew Cotton, Antonio Silva, Hugo Vau, Nic Von Rupp
Alternates do evento: Kealii Mamala, Natxo Gonzalez
Alternates pela performance do ano: Peter Mel, Nathan Florence, Jojo Roper

2017/18 BWT Men’s Pe’ahi Challenge:
Convidados:Grant Baker, Pedro Calado, Greg Long, Jamie Mitchell, Billy Kemper, Nic Lamb, Will Skudin, João De Macedo, Cristian Merello, Kai Lenny, Makuakai Rothman, Lucas Chianca, Francisco Porcella, Trevor Sven Carlson, Tom Lowe, Shane Dorian, Ian Walsh, Albee Layer, Mark Healey, Aaron Gold, Tyler Larronde
Alternates do evento: Shaun Walsh, Danilo Couto, Torrey Meister
Alternates da performance do ano: Peter Mel, Nathan Florence, Alex Botelho

2017/18 BWT Women’s Pe’ahi Challenge:
Convidadas: Paige Alms, Justine Dupont, Andrea Moeller, Keala Kennelly, Felicity Palmateer, Bianca Valenti
Alternates: Emily Erickson, Nicole Pacelli, Laura Enever

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!