Bino Lopes é o Brasil no dia decisivo do QS3000 da Martinica

Bino Lopes é o Brasil no último dia. Foto Poullenot/Aquashot

Após três dias de paralisação, as disputas do Martinique Surf Pro, evento do World Qualifying Series, com status 3000 foram retomadas no pointbreak de direitas de Basse Point, na Martinica, e o baiano Bino Lopes garantiu o Brasil na disputa do dia decisivo. A próxima chamada está marcada para as 8h30min desta sexta-feira, horário de Brasília.

Nesta quinta-feira, em uma bateria devagar de ondas, o baiano Bino Lopes colocou pressão no havaiano Tanner Hendrikson com uma estratégia agressiva e garantiu a primeira vaga nas semifinais. Antes, já havia vencido a bateria de quartas de final, que tinha ainda o catarinense Yuri Gonçalves, quarto colocado no confronto e 13º no campeonato. Na briga por uma vaga na final, Bino encara o surfista da Costa Rica Noe Mar Mcgonagle, que bateu o experiente francês Marc Lacomare.

É ótimo estar aqui em um lugar tão mágico e disputar o dia das finais“, disse Bino. “O início do nossa bateria foi um pouco devagar, então mudei minha estratégia e comecei a surfar todas as onda que podia para melhorar a minha pontuação e pressionar Tanner. Felizmente, funcionou para mim. Eu vou descansar em casa, ficar com minha família, conersar com meu treinador para estar pronto amanhã“.

Além de Bino, o capixaba Rafael Teixeira também avançou às quartas de final, enquanto Lucas Silveira finalizou na 13ª colocação com a quarta posição em sua bateria pelo Round 5. Ultimo goofy a sobreviver no evento, Teixeira brigou pela última vaga nas semifinais, mas acabou superado pelo ex-top Ricardo Christie, que tenta voltar a fazer parte dos melhores do mundo e agora, na semifinal, vai enfrentar o australiano Soly Bailey, campeão do Volcom Pipe Pro, o primeiro QS3000 da temporada.

Mais informações acesse www.worldsurfleague.com.

MARTINIQUE SURF PRO QS 3000
SEMIFINAIS FORMADAS
S1- Bino Lopes BRA x Noe McGonagle CRI
S2- Soly Bailey AUS x Ricardo Christie NZL
RESULTADOS DA QUINTA-FEIRA
Quartas de final
H1- Bino Lopes 12.03 a 9.70 Tanner Hendrickson HAW
H2- Noe McGonagle CRI 13.57 a 8.26 Marc Lacomare FRA
H3- Soly Bailey AUS 16,37 a 16.00 Jackson Baker AUS
H4- Ricardo Christie NZL 15.30 a 10.30 Rafael Teixeira BRA

Round 5
H1- 1º Bino Lopes BRA 14.66 2º Marc Lacomare FRA 14.50 3º Miguel Tudela PER 10.74 4º Yuri Goncalves BRA 8.90
H2 – 1º Noe McGonagle CRI 15.50 2º Tanner Hendrickson HAW 13.93 3º Kalani Ball AUS 13.50 4º Lucas Silveira BRA 11.70
H3- 1º Jackson Baker AUS 17.96 2º Ricardo Christie NZL 15.33 3º Diego Mignot FRA 14.93 4º Vasco Ribeiro POR 13.97
H4 – 1º Rafael Teixeira BRA 14.90 2º Soly Bailey AUS 13.47 3º Dimitri Ouvre GLP 12.27 4º Tim Bisso GLP 12.03

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!