Barco Caiçara vence classe C30 no Paulista de Vela Oceânica em Ilhabela‏

Caiçara venceu a etapa. Foto Aline Bassi/Balaio

Caiçara venceu a etapa. Foto Aline Bassi/Balaio

Apesar do tradicional equilíbrio na classe C30, a mais acirrada do Campeonato Paulista de vela oceânica (Copa Suzuki), a tripulação do Caiçara foi absoluta nas águas de Ilhabela nos dois finais de semana reservados à terceira e penúltima etapa da temporada. O barco do comandante Marcos de Oliveira Cesar venceu sete das nove regatas, além de um segundo e um terceiro lugares, esse, adotado como descarte.

O Caiçara encerrou a etapa com apenas nove pontos perdidos, contra 20 do Kaikias e 24 do +Realizado. “Finalmente acertamos a regulagem da vela que começamos a utilizar nas últimas regatas. Adquirimos boa vantagem no campeonato, mas na quarta etapa vamos continuar velejando para ganhar“, assegura Marcos Cesar. A etapa decisiva de 2016 está prevista para 26 e 27 de novembro; 3 e 4 de dezembro com sede no Yacht Club de Ilhabela.

Kaikias foi o vice-campeão. Foto Edu Grigaitis/Balaio

Kaikias foi o vice-campeão. Foto Edu Grigaitis/Balaio

Diante do equilíbrio, principal característica da classe C30, o desempenho do Caiçara surpreendeu os adversários. “As regatas foram muito brigadas. Estava quase saindo lasca dos cascos das embarcações, mas eles (Caiçara) velejaram muito bem. Parece que ligaram o motor“, compara o trimmer (regulador de velas) do +Realizado, Ricardo Apud. As duas regatas deste domingo (18) foram disputadas com vento leste entre 8 e 12 nós.

Vai ser difícil tirar o título do Caiçara. O campeonato vinha bastante embolado e de repente eles dispararam. Mérito da tripulação deles“, elogia o comandante do Caballo Loco, Mauro Dottori. “Também é gratificante ver a evolução do Kaikias. Estão pegando a mão do barco e melhorando a cada regata. É muito bom para a classe“. O Caiçara é o atual campeão paulista da C30 e em julho conquistou a medalha de bronze da classe na Semana de Vela de Ilhabela.

Duelo entre Caiçara e o Caballo Loco. Foto Edu Grigaitis/Balaio

Duelo entre Caiçara e o Caballo Loco. Foto Edu Grigaitis/Balaio

Classificação parcial da terceira etapa – Após nove regatas (um descarte)
1º Caiçara (Marcos de Oliveira Cesar): 1+1+(3)+ 1+1+1+2+2+1 = 9 pontos perdidos
2º Kaikias (Felipe Echenique): (4)+2+2+3+3+3+3+2+2 = 20 pp
3º +Realizado (José Luiz Apud): 2+3+1+4+2+(5)+4+4+4 = 24 pp
4º Caballo Loco (Mauro Dottori): 3+4+4+(5)+4+2+1+3+3 = 24 pp
5º Barracuda (Humberto Diniz): (5)+5+5+2+5+4+5+5+5 = 36 pp

Ary Pereira Jr – ary70jr@hotmail.com

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!