Brasileiros da Transat Jacques Vabre encaram reta final rumo a Itajaí

Ztra dos brasileiros está em uma área repleta de barcos de pesca. Foto Jean-Marie Liot

Ztra dos brasileiros está em uma área repleta de barcos de pesca. Foto Jean-Marie Liot

O barco brasileiro Zetra segue firme na disputa da Transat Jacques Vabre, a travessia entre Le Havre, na França, a Itajaí, no Brasil. Em sexto lugar da Class40, a dupla formada pelos brasileiros Eduardo Penido e Renato Araújo está próxima da costa de Recife (PE), local com registro de muitos barcos de pesca até a chegada.

A preocupação da dupla é evitar as rede de pesca e uma possível colisão, já que muitas embarcações pequenas não possuem luz. “Os instrumentos de navegação funcionam bastante, mas é preciso ficar atento. Precisamos de um trabalho redobrado à noite, principalmente, por causa dos barcos pequenos de pesca e suas redes. Só dá para identificar no visual. Acredito que os adversários da Class40 também estão preparados“, disse Renato Araújo.

Na tarde desta segunda-feira (16), o placar da regata apontava que os brasileiros ainda teriam de percorrer mais 2.400 quilômetros até Itajaí (SC). “Já nos sentimos em casa, no Brasil. Mas tem muita água pela frente pra chegar em Itajaí“, contou Renato Araújo.

O Zetra deve chegar no próximo domingo (22) à cidade catarinense. O líder da Class40 é o Le Conservateur, que faz uma disputa particular com o V and B pela ponta. Os primeiros devem cruzar a linha até a quarta-feira (18).

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!