Brasileiros dominam 1ª fase do Mahalo Surf Eco Festival em Itacaré

Paulo Moura. Foto Daniel Smorigo/WSL

Paulo Moura. Foto Daniel Smorigo/WSL

Mais um dia ensolarado com boas ondas na Praia da Tiririca fechou a primeira fase do Mahalo Surf Eco Festival nesta quarta-feira, em Itacaré, Sul da Bahia. Os brasileiros se destacaram na rodada inicial, com 20 classificados entre os 30 que competiram. Foram 12 vitórias nas 24 baterias, com novos recordes de Krystian Kymerson e Paulo Moura registrados nas ondas da Tiririca. Dos 144 surfistas de 24 países inscritos para disputar o último QS 6000 do ano, somente os 48 cabeças de chave ainda não estrearam na segunda fase da competição, que abrirá a quinta-feira.

O pernambucano Paulo Moura abriu a terceira bateria do dia numa boa onda que rendeu três manobras potentes para arrancar nota 8,83 dos juízes, e superar a 8,73 do catarinense Matheus Navarro no primeiro dia. Outro catarinense, Jean da Silva, completou a primeira dobradinha brasileira da quarta-feira. Ambos despacharam o porto-riquenho Brian Toth e o australiano Cody Robinson.

Dei sorte que entrou uma onda legal pra mim logo no começo da bateria. Fiquei segurando a borda da prancha até o locutor terminar a regressiva de início e consegui fazer três manobras bem fortes, no critério que os juízes querem, que é forçar as manobras ao máximo, principalmente a primeira, então fico feliz porque não sabia que era a maior nota do evento“, disse Paulo Moura. “As ondas estão boas de surfar, mas naquela condição da nossa região, com água quente, o ventinho soprando e eu adoro competir no Nordeste. Sou suspeito porque sou nordestino e gosto muito daqui, então espero continuar fazendo um bom surfe nas próximas baterias“.

Krystian Kymerson. Foto Daniel Smorigo/WSL

Krystian Kymerson. Foto Daniel Smorigo/WSL

BATERIA DE CAMPEÕES

Já o recorde de pontos foi batido na bateria que marcou a estreia de dois ex-campeões do Surf Eco Festival. Eles eliminaram o português Eduardo Fernandes e Dimitri Ouvre, de São Bartolomeu. O capixaba Krystian Kymerson venceu a última edição em Salvador, em 2012 na Praia de Jaguaribe. Ele usou os aéreos nas direitas da Tiririca para aumentar o recorde de pontos de 15,66 do norte-americano Patrick Gudauskas na terça-feira, para 16,23 com a soma das notas 8,73 e 7,50.

Estou feliz por ter passado essa bateria muito disputada e também porque o vento está ajudando para dar os aéreos. Eu consegui achar duas ondas muito boas, só que estava meio nervoso no começo por ser minha estreia, mas deu tudo certo e vamos pra próxima“, disse Krystian Kymerson.

O pernambucano Halley Batista, que foi o campeão em Itacaré, em 2013, completou a segunda dobradinha verde-amarela da quarta-feira na Praia da Tiririca. Mesmo não estreando com vitória, ele ficou feliz pela classificação e já está escalado para enfrentar os cabeças de chave da 18ª bateria da segunda fase, o australiano Wade Carmichael e o havaiano Tanner Hendrickson, que está na briga direta pelas últimas vagas do G-10 d0 World Qualifying Series.

VITÓRIA BAIANA

Marco Fernandez. Foto Daniel Smorigo/WSL

Marco Fernandez. Foto Daniel Smorigo/WSL

Outra classificação brasileira festejada na Praia da Tiririca foi a do único baiano que competiu na quarta-feira, Marco Fernandez. Ele começou bem sua bateria e liderou de ponta a ponta com a nota 6,33 da sua primeira onda. Depois, conseguiu uma melhor para tirar 7,07 que confirmou a vitória por 13,40 pontos.

Na briga pela segunda vaga para a próxima fase, o norte-americano Parker Coffin levou a melhor ao surfar a melhor onda da bateria, que valeu nota 8,33. O japonês Reo Inaba terminou em terceiro lugar e o catarinense Alcides Lopes Neto em último, e ambos acabaram eliminados logo na estreia. “É sempre bom competir na Bahia, aqui praticamente é a mesma onda que tenho em casa, então me sinto mais à vontade“, disse Marco Fernandez.

CABEÇAS DE CHAVE

Halley Batista. Foto Daniel Smorigo/WSL

Halley Batista. Foto Daniel Smorigo/WSL

Depois de dois dias dedicados para completar a rodada inicial, na quinta-feira começam a se apresentar na Praia da Tiririca as principais estrelas com a entrada dos cabeças de chave da competição. O paulista Caio Ibelli não conseguiu chegar a tempo de Portugal, onde disputava o WCT em Cascais, cancelou sua participação e será substituído por Franklin Serpa na bateria que abre a quinta-feira.

O Mahalo Surf Eco Festival é realizado pela Dendê Produções com patrocínio da marca Mahalo, Prefeitura Municipal de Itacaré, Pousada Ecoporan, Secretaria de Turismo do Governo do Estado da Bahia, TV Santa Cruz e Skol. A etapa do QS 6000 sancionada pela WSL South America com premiação de 150 mil dólares, vale 6.000 pontos para o ranking mundial do WSL Qualifying Series e será transmitida ao vivo pelo www.worldsurfleague.com

Ramzi Boukhiam. Foto Daniel Smorigo/WSL

Ramzi Boukhiam. Foto Daniel Smorigo/WSL

MAHALO SURF ECO FESTIVAL EM ITACARÉ:
Segunda fase: (3º=49º lugar, 400 pontos e US$ 550/4º=73º, US$ 450 e 370 pts):
1ª: Caio Ibelli (BRA) e Iago Silva (BRA), Bruno Galini (BRA), Kiron Jabour (HAV)
2ª: Tanner Gudauskas (EUA) e Mitch Crews (AUS), Messias Felix (BRA), Hiroto Arai (JPN)
3ª: Charles Martin (GLP) e Ezekiel Lau (HAV), Nic Von Rupp (PRT), Yuri Gonçalves (BRA)
4ª: Ryan Callinan (AUS) e Soli Bailey (AUS), Paul Cesar Distinguin (FRA), Patrick Gudauskas (EUA)
5ª: Maxime Huscenot (FRA) e Thiago Camarão (BRA), Matheus Navarro (BRA), Diego Mignot (FRA)
6ª: Nathan Yeomans (EUA) e Nathan Hedge (AUS), Andy Criere (FRA), Michael February (AFR)
7ª: Conner Coffin EUA, Yadin Nicol AUS Leandro Usuna ARG Mihimana Braye TAH
8ª: Davey Cathels AUS, Hizunomê Bettero BRA Tristan Guilbaud FRA Ian Gouveia BRA
9ª: Kanoa Igarashi EUA, Granger Larsen HAV Victor Bernardo BRA Vicente Romero ESP
10ª: Billy Stairmand NZL, Heitor Alves BRA Derek Peters EUA Nomme Mignot FRA
11ª: Evan Geiselman EUA, Santiago Muniz ARG Paulo Moura BRA Takumi Yasui JAP
12ª: Stu Kennedy AUS Jadson André BRA Jean da Silva BRA Ramzi Boukhiam MAR
13ª: Joan Duru FRA, Ricardo Christie NZL Willian Cardoso BRA Cory Arrambide EUA
14ª: Noe McGonagle CRI, Medi Veminardi REU, Jatyr Berasaluce ESP Luel Felipe BRA
15ª: Michael Dunphy EUA e Pedro Henrique POR Robson Santos BRA Lucas Silveira BRA
16ª: Dion Atkinson AUS e David do Carmo BRA Colt Ward EUA Dylan Lightfoot AFS
17ª: Jessé Mendes BRA e Mateia Hiquily TAH Krystian Kymerson BRA Rafael Teixeira BRA
18ª: Tanner Hendrickson HAV Wade Carmichael AUS Halley Batista BRA Marco Giorgi URY
19ª: Tomas Hermes BRA Beyrick De Vries AFS Timothee Bisso GLP Parker Coffin EUA
20ª: Carlos Munoz CRI Leonardo Fioravanti ITA Lucca Mesinas PER Marco Fernandez BRA
21ª: Michael Rodrigues BRA Cooper Chapman AUS Oney Anwar IDN Ian Crane EUA
22ª: Connor O´Leary AUS Bino Lopes BRA Ian Gentil HAV Yago Dora BRA
23ª: Brent Dorrington AUS Deivid Silva BRA Michael Wright AUS, Caetano Vargas BRA
24ª: Alex Ribeiro BRA Yagê Araujo BRA Renato Galvão BRA Weslley Dantas BRA

PRIMEIRA FASE (3º=97º lugar, 120 pontos/4º=121º lugar e 90 pontos)
Resultados da quarta-feira:
9ª: 1-Victor Bernardo (BRA), 2-Derek Peters (EUA), 3-Facundo Arreyes (ARG), 4-Cam Richards (EUA)
10: 1-Nomme Mignot (FRA), 2-Vicente Romero (ESP), 3-Harrison Mann (AUS), 4-Anthony Fillingim (CRI)
11: 1-Paulo Moura (BRA), 2-Jean da Silva (BRA), 3-Brian Toth (PRI), 4-Cody Robinson (AUS)
12: 1-Ramzi Boukhiam (MAR), 2-Takumi Yasui (JPN), 3-Alan Donato (BRA), 4-Nahuel Amalfitano (ARG)
13: 1-Willian Cardoso (BRA), 2-Jatyr Berasaluce (ESP), 3-Flavio Nakagima (BRA), 4-Shun Murakami (JPN)
14: 1-Luel Felipe (BRA), 2-Cory Arrambide (EUA), 3-Ethan Egiguren (ESP), 4-Nelson Cloarec (FRA)
15: 1-Robson Santos (BRA), 2-Colt Ward (EUA), 3-Miguel Tudela (PER), 4-Thiago Guimarães (BRA)
16: 1-Dylan Lightfoot (AFR), 2-Lucas Silveira (BRA), 3-Teale Vanner (AUS), 4-Nicolas Vargas (CHL)
17: 1-Krystian Kymerson (BRA), 2-Halley Batista (BRA), 3-Dimitri Ouvre (BLM), 4-Eduardo Fernandes (PRT)
18: 1-Marco Giorgi (URY), 2-Rafael Teixeira (BRA), 3-Luan Wood (BRA), 4-Raphael Seixas (BRA)
19: 1-Timothee Bisso (GLP), 2-Lucca Novaro (PER), 3-Dale Staples (AFR), 4-Gatien Delahaye (GLP)
20: 1-Marco Fernandez (BRA), 2-Parker Coffin (EUA), 3-Reo Inaba (JPN), 4-Alcides Lopes (BRA)
21: 1-Oney Anwar (IDN), 2-Ian Gentil (HAV), 3-Thomas Woods (AUS), 4-Gabriel André (BRA)
22: 1-Yago Dora (BRA), 2-Ian Crane (EUA), 3-Tomas King (CRI), 4-José Ferreira (PRT)
23: 1-Michael Wright (AUS), 2-Renato Galvão (BRA), 3-Guillermo Satt (CHL), 4-Cahill Bell-Warren (AUS)
24: 1-Wesley Dantas (BRA), 2-Caetano Vargas (BRA), 3-Noah Schweizer (EUA), 4-Matt Passaquindici (EUA)

Com informações de João Carvalho – WSL South America Media Officer

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!