Brasileiros fazem últimos treinos para a Transat Jacques Vabre‏

O barco que será usado pelos brasileiros. Foto  Jean-Marie Liot

O barco que será usado pelos brasileiros. Foto Jean-Marie Liot

Faltando um mês para a largada para a 12ª edição da Transat Jacques Vabre, a primeira dupla brasileira da história da competição, Edu Penido e Renato Araújo, faz os últimos ajustes para a complicada travessia entre a França e o Brasil. A regata partirá, no dia 25 de outubro, de Le Havre, cidade no Norte da França, com destino à catarinense Itajaí.

A bordo do veleiro Zetra, os brasileiros farão o percurso de 5.400 milhas náuticas – cerca de 10 mil quilômetros, em um barco da Class40, uma categoria bastante famosa na Europa. “São barcos novos e as tripulações são bastante experientes. Quanto a nós, somos novatos, mas temos um bom barco. Nossa meta é ganhar experiência“, avalia Edu Penido.

Além de ser o primeiro campeão olímpico da vela do Brasil pela classe 470, ele também foi treinador-chefe da seleção olímpica brasileira e fez parte do Brasil 1 na Volvo Ocean Race. O barco Zetra, que ganhou a bandeira brasileira no início deste ano, é o mesmo que venceu a edição de 2013 da competição. Na época, com o nome GDF Suez, a dupla francesa Sébastien Rogues e Fabien Delahaye foi campeã da Class40 a bordo do veleiro, vencendo o mesmo trajeto entre Le Havre (França) e Itajaí (SC).

Edu e Renato. Foto  Jean-Marie Liot/NCR

Edu e Renato. Foto Jean-Marie Liot/NCR

Para o também medalhista olímpico, Lars Grael, será um grande desafio para os dois brasileiros. “Depois do veleiro Brasil 1 (primeiro barco brasileiro que disputou a regata de volta ao mundo), a dupla fará o projeto mais impactante da vela oceânica brasileira“, aponta Lars Grael.

A TRANSAT JACQUES VABRE

Em outubro, na França, largarão quatro classes divididos entre monocascos e multicascos. Por ordem de tamanho, a Class40 (veleiros de 40 pés) contará com 14 duplas, a Multi50 (50 pés) terá 4, a IMOCA (60 pés) terá 20 e a Ultime (barcos de até 102 pés) outras quatro duplas. Ao todo, serão 84 velejadores ao longo da mais extensa travessia transatlântica.

A Transat Jacques Vabre, regata que é disputada em duplas, larga sempre da cidade portuária de Le Havre, na Normandia, sempre com destino a um país produtor de café, característica que lhe rendeu o apelido de “Rota do Café”. Já tendo passado por cidades como Cartagena (Colômbia), Puerto Limon (Costa Rica) e Salvador (BA) em 11 edições, essa será a segunda vez que a competição terá a cidade catarinense como chegada. Em 2013, a regata reuniu mais de 590 mil visitantes nas duas Vilas da Regata (Le Havre e Itajaí).

Mais informações no site www.transat-jacques-vabre.com/br
Facebook: https://www.facebook.com/Transat.Jacques.Vabre
Twitter: https://twitter.com/TransatJV_br

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!