Albee Layer é campeão do Red Bull Unleashed – Vídeo

Albee Layer é o campeão do Red Bull Unleashed. Foto Tania Nielson

Albee Layer é o campeão do Red Bull Unleashed. Foto Tania Nielson

O havaiano Albee Layer faturou o título do Red Bull Unleashed, inédita competição realizada na Surf Snowdonia, a recém inaugurada piscina de ondas artificiais, do País de Gales. Diante de dois mil espectadores, o freesurfer derrotou na final ao neozelandês Billy Stairmand, pelo placar de 3 a 1, em um novo sistema de pontuação

A competição quebrou um longo jejum de eventos em piscinas com ondas artificiais e reuniu alguns dos melhores surfistas que disputam o World Qualifying Series. Alguns deles ficaram impressionados com o formato e já queriam garantir seu lugar em uma próxima edição. “Depois deste ano, todos vão querer vir e eu quero garantir minha inscrição já“, relatou o americano Ian Crane, que disputou a etapa de Trestles do WCT e voou direto para a Inglaterra, a tempo de participar da competição.

Red Bull Unleashed 2015 UK – Snowdonia – Action Clip from world of freesports on Vimeo.

Ele foi um dos destaques nestes três dias, apesar de Albee Layer ter sido consistente e se apresentado como o surfista a ser batido. A novidade não foi apenas a nova piscina de ondas artificiais. O novo formato de competição foi um alívio diante do padrão das baterias homem a homem de 30 minutos. Os competidores e o público curtiram a nova fórmula que começava com um sorteio de quem surfaria primeiro em duelos homem a homem, com o placar formado a partir das cinco melhores ondas. O surfista que conseguia três vitórias avançava automaticamente.

Billy Stairmand foi o vice-campeão do Red Bull Unleashed. Foto Olaf Pignataro

Billy Stairmand foi o vice-campeão do Red Bull Unleashed. Foto Olaf Pignataro

Ao contrário das baterias tradicionais de meia hora, não havia uma segunda chance no Red Bull Unleashed, onde cada onda era avaliada e um wipeout era encarado como maldição. “É legal!” disse o top sul-africano Jordy Smith, convidado para assistir ao evento do patrocinador. “Os dois surfistas têm a mesma oportunidade e o melhor surfista sempre vence. Você não pode se dar ao luxo de cair e tem que andar numa linha tênue, surfando no limite, mas com a cautela para não ir longe demais“, explicou.

A proximidade com o público, a 30 metros de distância, e ao som de um DJ que colocava as músicas escolhidas pelos atletas, o Red Bull Unleashead desencadeou um espetáculo digno de um estádio. Albee Layer logo se tornou o surfista favorito dos fãs, pegando a manha das ondas ainda no início da competição. Além de Layer e Jack Freestone, a Surf Snowdonia teve o domínio dos surfistas mais leves como Billy Stairmand, Ian Crane, Mitch Crews, Kai Hing, Hiroto Arai e Ian Gouveia, o único brasileiro no evento.

Red Bull Unleashed foi sucesso de público e show de surfe. Foto Dan Blocklehurst

Red Bull Unleashed foi sucesso de público e show de surfe. Foto Dan Blocklehurst

Na primeira semifinal, Layer venceu Mitch Crews, de virada, por 3 a 2, na última onda, naquele que pode ser apontado como melhor duelo do evento. Na segunda semifinal, Staimand superou Jack Freestone por 3 a 0. Encharcado com a champanhe no pódio, Layer estava orgulhoso do título apesar de não participar de competições. “Eu não sabia o que podia esperar“, disse o surfista local de Maui, no Havaí. “Foi incrível surfar tão perto de tantas pessoas, com o som tocando, muita energia, e ainda vencer, é uma loucura. Se tivesse mais eventos como este, eu competiria!“. Não precisa dizer mais nada, esperamos vê-lo no próximo ano.

Billy Stairmand e Albee Layer. Foto Olaf Pignataro

Billy Stairmand e Albee Layer. Foto Olaf Pignataro

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!