Sexta etapa da Volvo Ocean Race encara o Triângulo das Bermudas

Dongfeng liderava sexta etap nesta segunda-feira. Foto Sam Greenfield/Volvo Ocean Race

Dongfeng liderava sexta etap nesta segunda-feira. Foto Sam Greenfield/Volvo Ocean Race

Os seis veleiros da Volvo Ocean Race entraram na reta final da sexta etapa da regata, rumo a Newport, e agora terão que encarar o mítico Triângulo das Bermudas. É a área do Oceano Atlântico que mais registra o sumiço de barcos e aviões. É comum comandantes perderem a orientação de suas aerovanes e embarcações naquele determinada área, e as explicações são sobrenaturais.

O “triângulo” está situado entre Ilhas Bermudas, Porto Rico, Fort Lauderdale, na Flórida (EUA), e as Bahamas. Uma das explicações pode ser a localização do campo magnético da Terra. Se isso é verdade e pode oferecer perigo aos velejadores, só o tempo dirá, faltando menos de 1000 milhas náuticas para a chegada em Newport, nos EUA.

Região do Triangulo das Bermudas no Caribe.

Região do Triangulo das Bermudas no Caribe.

Os ventos não estão atrapalhando e o Dongfeng Race Team mantém a liderança. “Essa Volvo Ocean Race está incrível! Mais uma etapa excepcional, pois após quase duas semanas, a gente vê quatro barcos muito próximos. O fato de ter velocidades muito semelhantes entre as equipes explica essa disputa acirrada. Acredito que a perna será decidida nessa área”, disse o comandante do Dongfeng Charles Caudrelier.

No placar da noite desta segunda-feira, os chineses eram seguidos pelo Abu Dhabi e o Team Brunel, e logo mais atrás o Mapfre e Team Alvimedica, com o Team SCA na última colocação. A previsão de chegada em Newport é para o dia 7 de maio, 17 dias após a partida de Itajaí, no Brasil.

Abu Dhabi lidera classificação geral. Foto Matt Knighton/Volvo Ocean Race

Abu Dhabi lidera classificação geral. Foto Matt Knighton/Volvo Ocean Race

Olá, você está curtindo o blog? Deixe o seu comentário!